Portela

Portela
Vamos comemorar que a campeã voltou! Portela!!! #PortelaCampeã
"O que é de verdade ninguém mais hoje liga: isso é coisa da antiga" - Ney Lopes e Wilson Moreira

Olá!!!Seja bem-vindo!!

Elsa (Frozen) ♥

sábado, 30 de outubro de 2010

FILHA CANTORA DE RILDO HORA FAZ ANIVERSÁRIO HOJE





Hoje, dia 30/10, é o aniversário da cantora Patrícia Hora, filha do músico Rildo Hora.Patrícia Alcântara da Hora, seu nome de batismo, iniciou suas atividades artísticas em 1985, participando do coro infantil no disco de Dona Ivone Lara, na faixa "Menino brasileiro" (Rildo Hora e Dona Ivone Lara). Em 1988, ao lado do irmão Misael da Hora ao piano, apresentou a música "Sinhá tô" (Rildo Hora). Ao final, foi convidada por Martinho da Vila para participar de seu novo disco. No ano seguinte, fez coro em todas as faixas do disco "Canto das lavadeiras",de Martinho da Vila. E, desde então, nunca mais parou. Patrícia continuou trabalhando em coro nos CD's do Zeca Pagodinho, Grupo Fundo de Quintal, nos projetos Casa de Samba, entre outros. A gente deseja felicidades, muito sucesso pra você e que continue trabalhando com todo esse talento que você tem.


segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Dia das Crianças



Eu era assim... aos 3 anos de idade!

Estamos na semana da criança. E pra relembrar, escolhi uma música que lembra um pouco a época que eu tirei essa foto acima:"Se Enamora", da Turma do Balão Mágico (quem não se lembra?), formado por Tob, Mike (filho do célebre criminoso inglês Ronald Biggs ), Simony (essa que vem fazendo de tudo pra aparecer, até foi uma das famosas que se candidatou a deputada este ano, mas não conseguiu) e Jair Oliveira (na época, Jairzinho) que até hoje é cantor, além de instrumentista e produtor. Mas essa música que marcou a nossa infância e de quem tem, no mínimo, 30 anos de idade ganhou a versão mais madura no video abaixo, feita pela cantora folk romântica Tiê (Tiê Gasparinetti Biral, São Paulo, 17 de março de 1980), esta que é neta da atriz Vida Alves (Itanhandu, Minas Gerais, 15 de abril de 1928). Vale a pena ouvir a versão da cantora de nome de um passarinho que, segundo o site do Jornal Folha de São Paulo, "tem atributos para ser uma artista do quilate de uma Carla Bruni à brasileira." (Guia da Folha Online)







SE ENAMORA (E' L' Amore)
Escrita por Garofalo/ Monti / Vicenzo Giuffré / Giannino Gastaldo - versão: Edgard B. Poças
Intérprete: Tiê

Quando você chega na classe
Nem sabe
Quanta diferença que faz
E às vezes
Faço que não vejo e nem ligo
E finjo, ser distraída demais

Quantas vezes te desenhei
Mas não consigo
Ver o teu sorriso no fim
Te sigo
Caminhando pelo recreio
Quem sabe
Você tropeça em mim

Se enamora
Quem vê você chegar com tantas cores
E vê você passar perto das flores
Parece que elas querem te roubar

Se enamora
Quem vê você chegar com tantos sonhos
E os olhos tão ligados nesses sonhos
Tesouros de um amor que vai chegar

Quando toca o despertador
De manhãzinha
Me levanto e vou me arrumar
E vejo
A felicidade no espelho
Sorrindo
Claro que vou te encontrar

Fico só pensando em você
E juro
Que vou te tirar pra dançar
Um dia
Mas uma canção é tão pouco
Nem cabe
Tudo que eu quero falar

Se enamora
Quem vê você chegar com tantas cores
E vê você passar perto das flores
Parece que elas querem te roubar

Se enamora
Quem vê você chegar com tantos sonhos
E os olhos tão ligados nesses sonhos
Tesouros de um amor que vai chegar

Se enamora
E fica tão difícil
De ir embora
E às vezes escondido
A gente chora
E chora mesmo sem saber por que

Se enamora
A gente de repente
Se enamora
E sente que o amor
Chegou na hora
E agora gosto muito de você

(C) 1984 Elam Edições Musicais Ltda.
(P) 2009 Warner Music (Brasil)

sábado, 9 de outubro de 2010

Entrevista com Rildo Hora na TV Senado


Essa se eu não me engano foi exibida no início do mês de setembro desse ano. Nesse video, Rildo Hora conta sobre a sua mudança de Caruaru, Pernambuco, sua terra natal, ao Rio de Janeiro aos 6 anos de idade, como começou a se interessar pela música e por que a gaita é seu instrumento principal. Quem admira os trabalhos do Rildo como eu, não pode perder essa.

"Viver de música é muito bom, porque eu costumo dizer sempre que, quem vive de música, mora na terra dos sonhos, onde tem uma casinha branca e bons vizinhos"
Rildo Hora




http://www.youtube.com/watch?v=WLNCENq00bQ

Roberto Carlos em 1973


Tornando a falar de Roberto Carlos. Há anos eu via essa imagem em preto e branco do Rei em 1973 no programa do Flávio Cavalcanti na TV Record com a sua banda RC 7 cantando "Jesus Cristo" em um arranjo bem sofisticado de metais e com um andamento acima da gravação original de 1970. A imagem foi relembrada por um programa recente da emissora paulista. Recomendado pra saudosistas fãs do rei.



http://youtu.be/Yvb1F5Ja6xA

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

RC 77


Fotos: Imagens do site de buscas Google



A década de 70 era ótima pra música brasileira, ainda mais quando se tratava de Roberto Carlos, esse cantor que admiro muito desde os meus 13 anos de idade. O long-play já abre com a música "Amigo" , a qual Erasmo fez a melodia e ele e Roberto fizeram apenas
três versos da letra. E, no dia do seu aniversário, Roberto se emocionou com a presença de Erasmo na festa, então, apresentou-lhe a música já pronta pra gravar meses depois. E a famosa introdução feita pelo arranjador americano Al Capps grudou feito chiclete na cabeça dos brasileiros e, recentemente, foi até adaptada para o grito de guerra da torcida do Corinthians ("Não para, não para, não para, pra frente, timão..."). O disco também inclui os sucessos "Falando Sério", "Cavalgada" (esta que foi para o filme "Os Sete Gatinhos", escrito por Nelson Rodrigues e dirigido por Neville de Almeida), "Outra Vez", famosa pelo primeiro verso "você foi...", e "Ternura", reeleitura de um clássico da Jovem Guarda gravada pela Wanderléa. Falando em Jovem Guarda, a saudade de um dos movimentos mais marcantes da música brasileira é retratada no hit "Jovens Tardes de Domingo". Roberto Carlos 77 foi um dos LP's que fizeram várias mulheres e senhoras brasileiras o terem em suas casas, incluindo as amigas da mamãe, menos ela, pois, na época, meus pais, ainda namorados, eram tão pobres que a única forma de eles se distraírem ouvindo música era o singelo rádio de pilha. Mas eu já tenho esse e outros LP's antigões e CD's relançados do Roberto Carlos. Afinal, sou fã, né?




CURIOSIDADES:

Foto:Clube do Rei

*Essa foto acima seria a capa desse LP de 1977, mas não foi, talvez porque o Roberto não tinha gostado muito da foto.

*O LP "Roberto Carlos" (1977) é um dos primeiros da falecida gravadora CBS Brasil com a "nova" etiqueta do LP, em cor laranja em degradê. Apesar de que alguns fãs do Rei acham de forma irônica, a etiqueta "nova" não tem nada a ver com a combinação com a foto "abstrata" da capa do LP do Roberto Carlos, tirada pelo fotógrafo Darcy Trigo (ex-repórter fotográfico da extinta revista "O Cruzeiro" e fotógrafo das capas de LP's de Roberto Carlos entre 1976 e 1980), na qual o cantor é iluminado pela luz laranja durante um de seus shows. Afinal, nas filiais mundiais da CBS já existia essa etiqueta, inclusive nos LP's internacionais do Rei, e só foi aderida pela CBS brasileira a partir de 1977. No entanto, no ano seguinte, a CBS brasileira ainda usava a antiga e simplesinha etiqueta cor de telha, mas não por muito tempo.

*A música "Ternura", sucesso na década de 60 na voz de Wanderléa, é versão de "Somehow It Got To Be Tomorrow - Today", sucesso de 1965 cantado originalmente pela cantora/atriz Patricia "Pat" Woodell, muito famosa nos Estados Unidos pelo programa de TV "Peticoat Junction" que foi ao ar entre 1963 e 1965.

"Roberto Carlos"
Roberto Carlos
(P) 1977 Discos CBS, Columbia Broadcasting System / Companhia Brasileira de Som (hoje Sony Music Entertainment - Brasil)
OBS.:Este blog só contem amostra completa de ficha técnica do LP citado.

01. Amigo **
(Roberto Carlos / Erasmo Carlos)
(C) Ed. Amigos / Ecra, Erasmo Carlos Realizações Artísticas Ltda.

02. Nosso amor *
(Mauro Motta / Eduardo Ribeiro)
(C) Abril / Indie Publishing

03. Falando sério ***
(Maurício Duboc / Carlos Colla)
(C) Ed. EMI, Electrical and Musical Industries Music Publishing / BMG, Bertelsmann Music Group

04. Muito romântico **
(Caetano Veloso)
(C) Editora Gapa (Warner Chappel)

05. Solamente una vez *
(Agustin Lara)
(C) Irmãos Vitale

06. Ternura (Somehow it got to be tomorrow)(Today) *
(Estelle Levitt / Kenny Karen - versão: Rossini Pinto)
(C) Ed. EMI, Electrical and Musical Industries Music Publishing

07. Cavalgada *
(Roberto Carlos / Erasmo Carlos)
(C) Ed. Amigos / Ecra, Erasmo Carlos Realizações Artísticas Ltda.

08. Não se esqueça de mim *
(Roberto Carlos / Erasmo Carlos)
(C) Ed. Amigos / Ecra, Erasmo Carlos Realizações Artísticas Ltda.

09. Jovens tardes de Domingo **
(Roberto Carlos / Erasmo Carlos)
(C) Ed. Amigos / Ecra, Erasmo Carlos Realizações Artísticas Ltda.

10. Pra ser só minha mulher **
(Ronnie Von / Tony Osanah)
(C) Editora BMG, Bertelsmann Music Group

11. Outra vez **
(Isolda)
(C) Editora BMG, Bertelsmann Music Group

12. Sinto muito, minha amiga *
(Roberto Carlos / Erasmo Carlos)
(C) 1977 Ed. Amigos / Ecra, Erasmo Carlos Realizações Artísticas Ltda.

ARRANJOS:
Jimmy Wisner *
Al Capps **
Ben Lanzarone ***

TÉCNICOS DE GRAVAÇÃO:
Tim Geelan
Lenny Roberts

MIXAGEM:
Tim Geelan

ESTÚDIOS:
CBS - New York
Larrabee Sound - Los Angeles

CORTE:
Manoel Magalhães
Jorge Emílio Isaac
Milton Araújo
Américo Marques Pinto

FOTO:
Darcy Trigo

ARTE:
Carlos Enrique M. De Lacerda

DIREÇÃO DE ARTE:
Géu


CBS
230025
(P) 1977


Video:"Roberto Carlos Especial" (1977): Roberto canta "Amigo" para Erasmo Carlos



Prefiro Que Você Faça




Tenho tanta admiração por você
Mas não tenho coragem de me aproximar de você
Procuro palavras, idéias,
Mas tenho receio de que você
Me interprete como uma estranha perigosa
Pois nunca tive sorte nas tentativas de amizade.
Da minha janela
Vejo você passar todo dia
Quero ter uma palavrinha com você,
Mas, às, vezes, prefiro que você o faça
Que você me encontre
Como um tesouro cheio de jóias enterrado há anos
Sem querer me vangloriar
Eu tenho um medo enorme de rejeição
Pois você não é meu amigo,
Nem colega e nem um conhecido meu
Apesar de que sei uns detalhes sobre você
E sei de que você é de boa aparência
Olha pra mim:
Estou acenando pra você.


Jeane Martins

Fotos:Imagens encontradas no site de buscas Google



Música pra quem está estressado...


"Rotina", cantada pelo rei Roberto Carlos. Pra quem é do tipo que não agüenta mais sua rotina e mal vê a hora das 18:00 chegar pra ver o seu amor...uma letra chico-buarqueana feita pelo Roberto e Erasmo Carlos e combina muito bem com dia de hoje que é sexta-feira.





http://www.youtube.com/watch?v=QIFDRpgVRHs

Rotina
Escrita por Roberto Carlos - Erasmo Carlos
Intérprete:Roberto Carlos
Arranjo: Chiquinho de Moraes

O sol ainda não chegou
E o relógio há pouco despertou
Da porta do quarto ainda na penumbra
Eu olho outra vez
Seu corpo adormecido e mal coberto
Quase não me deixa ir
Fecho os olhos, viro as costas
Num esforço eu tenho que sair

A mesma condução, a mesma hora
Os mesmos pensamentos chegam
Meu corpo está comigo mas meu pensamento
Ainda está com ela
Agora eu imagino suas mãos
Buscando em vão minha presença
Em nossa cama
Eu gostaria de saber o que ela pensa

Estou chegando para mais um dia
De trabalho que começa
Enquanto lá em casa ela desperta
Pra rotina do seu dia
Eu quase posso ver a água morna
A deslizar no corpo dela
Em gotas coloridas pela luz
Que vem do vidro da janela

Um jeito nos cabelos
Colocando seu perfume preferido
Diante do espelho aquilo tudo
Ela esconde num vestido
Depois de um café, o olhar distante
Ela se perde pensativa
Acende um cigarro
E olhando a fumaça pára e pensa em mim

O dia vai passando, a tarde vem
E pela noite eu espero
Vou contando as horas que me separam
De tudo aquilo que mais quero
Meu rosto se ilumina num sorriso
No momento de ir embora
Não posso controlar minha vontade
De sair correndo agora

O trânsito me faz perder a calma
E o pensamento continua
Pensando em minha volta muitas vezes
Ela vem olhar a rua
A porta se abre e de repente eu
Me envolvo inteiro nos seus braços
E o nosso amor começa
E só termina quando nasce mais um dia
Um dia de rotina
Um dia de rotina
O sol ainda não chegou
Num dia de rotina
O nosso amor começa e termina
Quando nasce mais um dia...
Um dia de rotina

(C) 1973 Warner/ Chappel Edições Musicais
(P) 1973 Discos CBS, Columbia Broadcasting System / Companhia Brasileira de Som (hoje Sony Music Entertainment - Brasil)

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

...era vidro e se quebrou.




Canção de Separação

Tente me esquecer
Não quero mais fingir
Que eu te amo
Não sei por que
Você quer persistir
Nesse amor que só foi engano
Você é só uma oportunidade fútil
Que crê que preencherá o meu vazio
Me perdoe se estou sendo fútil,
Mas sua companhia de nada me serviu
Deixe-me viver com a solidão
Às vezes é ela que me faz feliz
Ou com qualquer coisa que me dá distração
Menos com você, pois nunca te quis
Vá procurar quem te ama de verdade,
Pois o nosso amor nunca deu felicidade
Tente me esquecer, pois, na verdade,
Seu sonho comigo está longe de ser realidade
Risque meu nome da sua agenda
Se você me ligar, eu desligo
Não combino com você, entenda,
E você não combina comigo.


Jeane Martins
Publicado no Recanto das Letras em 05/10/2010
Código do texto: T2538821


Festa de Lançamento do "Clube do Samba" (Fantástico, 1979)

"Meninos da Mangueira" - Ataulpho Jr. e Diogo Nogueira no programa "Samba da Gamboa" na TV Brasil