Portela

Portela
Vamos comemorar que a campeã voltou! Portela!!! #PortelaCampeã
"O que é de verdade ninguém mais hoje liga: isso é coisa da antiga" - Ney Lopes e Wilson Moreira

Olá!!!Seja bem-vindo!!

Elsa (Frozen) ♥

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Serginho Procópio é o novo presidente da Portela



A chapa Portela Verdade venceu neste domingo (19/05) as eleições na escola azul e branca. A chapa é presidida pelo Serginho Procópio, músico e integrante da Velha Guarda Show, tendo como vice o policial Marcos Vieira de Souza, o Falcon, e o compositor e líder da Velha Guarda Monarco como presidente de honra da chapa. Serginho Procópio derrotou o atual mandatário, o Nilo Mendes Figueiredo. "Temos a certeza de que fizemos um grande trabalho, nosso grito foi ouvido. Muita gente não tinha a menor noção dos problemas da Portela, nossa chapa mostrou todos eles e apresentou propostas. Agora temos que fazer uma grande auditoria e levantar as dívidas da escola, que são muitas", disse Procópio ao jornal O Dia (19/05).

Logo da chapa Portela Verdade


O atual ex-presidente Nilo Figueiredo vem sendo acusado por desvio de verba pública na escola de samba, o que resultou em dívidas e em desfiles de qualidade duvidosa na Marquês de Sapucaí nos últimos 8 anos. "As irregularidades foram detectadas pelo Controladoria Geral da União (CGU) na concessão de duas verbas à Portela, em 2005 e 2007, pelos ministérios de Turismo e Esportes. Somados, os repasses chegam a R$ 2,350 milhões e faziam parte do pacote para promover a imagem do Brasil e dos jogos Pan-Americanos de 2007 no desfile. Mas não foram utilizados para este fim. No mês passado, a CGU determinou à escola o ressarcimento imediato de R$ 525 mil.Na Polícia Federal, além de Nilo Figueiredo, já prestaram depoimento dois vice-presidentes: Nilo Figueiredo Júnior (filho do presidente) e o delegado aposentado Aguinaldo Ribeiro. Os dois afirmaram que só assinaram a prestação de contas da escola de samba e nunca manipularam qualquer verba na Portela. O dinheiro, asseguraram na Delegacia de Combate a Crimes Financeiros, era movimentado apenas por Nilo." (Jornal O Dia, 13/05)
A eleição aconteceu na própria Quadra da Portela, localizada na Rua Clara Nunes, 81, em Madureira. Entre os apoiadores da chapa Portela Verdade estavam Tia Surica, a lendária ex-porta-bandeira Dodô, Waldir 59, Paulinho da Viola, Noca da Portela, Teresa Cristina, Wilma Nascimento e compositor David Corrêa, Eliane Faria (filha de Paulinho da Viola), Angela Nogueira (viúva de João Nogueira), Nezio Nascimento e Nozinho (filhos de Natal da Portela) e descendentes dos compositores Chico Santana e Manacéia e do Paulo da Portela, fundador da escola.
Agora a Portela voltou a ser Portela. Afinal, apesar de eu ser catarinense e nunca ter ido ao Rio de Janeiro, há quantos carnavais a gente não vence, não é verdade? Eu tenho certeza que o Serginho fará com que a Portela deixe de ser o patinho feio do Grupo Especial e volte a brilhar, já que ele é um verdadeiro defensor da escola, e não um poser* como o Nilo Figueiredo.

*Poser: termo usado para descrever "uma pessoa que finge ser algo que ela não é" (Wikipedia)

Serginho Procópio, o novo presidente da G.R.E.S Portela


quinta-feira, 9 de maio de 2013

Lu Carvalho Mostra sua Receita de Prazer Por Samba



Você com certeza já ouviu aquela música que foi interpretada pela Evinha (ex-Trio Esperança):

"Luciana, Luciana,
sorriso de menina
dos olhos de mar...
Luciana, Luciana
abrace essa cantiga
por onde passar..."

Pois é, foi embalada por esta canção que nasceu uma futura cantora e mais uma da família Carvalho a lidar com música: Luciana, que agora é conhecida artisticamente como Lu Carvalho, filha da também cantora Vânia Carvalho e sobrinha da sambista Beth Carvalho. "Cantiga Por Luciana", feita para a novata do samba assim que sua mãe engravidou e de autoria de Paulinho Tapajós e Edmundo Souto, este que, na época, era noivo da tia Beth, ganhou o IV Festival Internacional da Canção em 1969. Mas graças a Beth Carvalho que ela descobriu a sua paixão pelo samba, tanto que, aos dez anos, participou do coral infantil de "Coisinha do Pai", gravada pela sambista em "No Pagode", álbum de 1979 lançado pela RCA (hoje Sony Music).
Este ano, depois de adiar o projeto por motivos pessoais, finalmente saiu o primeiro CD da cantora, "O Samba Que Eu Sei" (Saladesom Records, 2013).
"Eu estava gravando um álbum, quando engravidei do meu primeiro filho, Rodrigo. Também era bem-sucedida como publicitária. Parei (por uma década) tudo para cuidar dele e voltei a fazer show há um ano", explica a cantora, que teve total apoio da tia para retomar a carreira artística. "Ela me ajudou a escolher o repertório, pediu aos compositores que mandassem músicas para mim". (Jornal Extra Online)
O CD tem participações especias de Diogo Nogueira na canção "Quero Ter Você" da autoria da própria Lu Carvalho, Arlindo Cruz  na faixa "Ah, Se Eu Soubesse", da autoria dele e de Franco e, é claro, da titia Beth em "Receita do Prazer", de Dayse do Banjo, Gerson da Banda e Rogerinho Angelo.


Capa do CD "O Samba Que Eu Sei" (Saladesom Records, 2013) da Lu Carvalho.


E tem mais: a produção musical é de Misael da Hora, com o auxílio dos arranjos de seu pai Rildo Hora, Ivan Paulo e Bóris.
O time de músicos que trabalharam no álbum é formado por: Carlinhos 7 cordas no violão 7 cordas; no violão de 6 cordas e guitarra está Tuca Alves; Mauro Diniz no cavaquinho; Bóris, Jamil e Dudu Dias no baixo; Dirceu Leite nos sopros; Rildo Hora na gaita; Misael da Hora nos teclados; Nene Brown no tufão, caixinha e tantan; Luciano Broa na bateria e Pretinho da Serrinha na percussão. Mixagem de Luiz Carlos Torquato Reis e masterização de Amaury Machado (Bat Masterson). E quanto à capa, arte gráfica feita por Gê Alves Pinto e foto de Guto Costa. (ficha técnica: site Recanto Adormecido)


Lu Carvalho com a sua tia Beth Carvalho na década de 1970 e hoje, durante a gravação do seu primeiro CD (fotos: Facebook Lu Carvalho Samba Oficial / YouTube)



Enquanto o CD não chega nas lojas da minha Itajaí City e da minha vizinha Balneário Camboriú (SC), já existe possibilidade de curtir de montão as amostras grátis do álbum "O Samba Que Eu Sei" da maravilhosa Lu Carvalho.

Videos e ficha técnica: YouTube / Lu Carvalho Samba Oficial

Quero Ter Você (participação especial de Diogo Nogueira)
escrita por Lu Carvalho

Arranjo: Ivan Paulo
Teclados: Misael da Hora
Baixo: Dudu Dias
Bateria: Luciano Broa
Percussão: Nene Brown e Pretinho da Serrinha
Cavaquinho: Mauro Diniz
Violões: Tuca Alves e Carlinhos 7 Cordas
Sopros: Dirceu Leite
Vocais: Aarão de Sá, Amaury Machado, Bruno Brito e Gaby d´Paula



http://www.youtube.com/watch?v=NyUeg0bGFNY



"Receita de Prazer" (participação especial de Beth Carvalho) 
Escrita por Dayse do Banjo, Gerson da Banda e Rogerinho

Vozes: Lu Carvalho e Beth Carvalho
Rildo Hora - Arranjo
Misael da Hora - Teclados
Jamil Joanes - Baixo
Luciano Broa - Bateria
Nene Brown - Percussão
Pretinho da Serrinha - Percussão
Mauro Diniz - Cavaquinho
Tuva Alves Violão
Carlinhos Sete Cordas - Violão de 7 cordas
Dirceu Leite, Aarão de Sá, Amaury Machado, Bruno Brito e Gaby d'Paula - Vocais



http://youtu.be/_LJ3-Y8N5SM



"Ah! Se Eu Soubesse" (participação especial de Arlindo Cruz)
escrita por Arlindo Cruz e Franco

Vozes: Lu Carvalho e Arlindo Cruz
Misael da Hora - Arranjos e teclados
Jamil Joanes - Baixo
Luciano Broa - Bateria
Nene Brown - Tamborim e tantã
Pretinho da Serrinha - Pandeiro e surdo
Mauro Diniz - Cavaquinho
Tuca Alves - Violão 6
Carlinhos Sete Cordas - Violão 7
Dirceu Leite - Clarinete e flautas
Aarão de Sá, Amaury Machado, Bruno Brito e Gaby d'Paula - Vocais



http://youtu.be/nfB8fUSw9N8



Agora fugindo um pouco do CD, esse video, lançado no ano passado, é um teaser de divulgação da cantora interpretando grandes sucessos do samba, intercalado por depoimentos de grandes sambistas.



http://www.youtube.com/watch?v=6eki1BlB2gs





sábado, 4 de maio de 2013

Estou Mais Pra Lá do Que Pra Cá

Foto: Musicland


"Jeová, Jeová" é a canção que está no compacto simples "Eu, O Ignorante" de Juca Chaves lançado em 1971. O arranjo à música gospel norte americana é do renomado maestro Hector Lagna Fietta que, dentre tantos trabalhos, foi diretor musical da trilha sonora de alguns filmes do ator e cineasta Amácio Mazzaropi  (São Paulo, 9 de abril de 1912 — São Paulo, 13 de junho de 1981).




http://youtu.be/qHK1inptxuQ


Jeová, Jeová
compositor e intérprete: Juca Chaves
Arranjo e Regencia: Hector Lagna Fietta
Ed. Fermata
(P) 1971 RGE, Rádio Gravações Especializadas, Ltda.

Jeová, Jeová
Olhe também prá mim que estou mais pra lá do que prá cá.

Olhe pra menininha de bikini em Cabo Frio,
Olhe pro cão vira-lata que agora se mata no Estado do Rio,
Ajude Waldick Soriano ser Sinatra nacional,
Abençoe a Maristela que pecou com o Imperial.

Jeová, Jeová
Olhe também prá mim que estou mais prá lá do que pra cá.

Ajude a arrumar marido, pra linda Florinda Bulcão
Ajude esse cantor traído, receber cachê da televisão,
Ajude o senhor o strick, nosso grito perdoar,
E o pão nosso de cada dia dar lugar pro caviar.

Jeová, Jeová
Olhe também prá mim que estou mais prá lá do que pra cá.

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Magnatas do Samba no Teatro Rival



O evento aconteceu no dia 4 de fevereiro desse ano, mas só hoje (2/05) que foi publicado o video do show comemorativo dos 37 anos do grupo mineiro Magnatas do Samba no Teatro Rival no Rio de Janeiro realizado pela Petrobras e pela MPB FM. O show teve a participação especial de Rildo Hora, Monarco,  Marquinho Diniz e Lu Carvalho (sobrinha de Beth Carvalho) e, entre seus músicos participantes, Misael da Hora e Patrícia Hora. O grupo cantou tanto seus próprios sucessos, como "Samba Nosso Que Estais No Céu" quanto os de outros grandes sambistas, como "Palpite Infeliz" (de Noel Rosa), "Caviar" (de Luiz Grande, Marquinhos Diniz e Barbeirinho do Jacarezinho, sucesso na voz de Zeca Pagodinho) e "Kizomba, Festa da Raça" (samba-enredo de Vila Isabel em 1988).

Como eu adoraria ter ido aí... =D



Video: Teaser Magnatas do Samba 37 Anos



http://youtu.be/b4vLCus1xfU

Festa de Lançamento do "Clube do Samba" (Fantástico, 1979)

"Meninos da Mangueira" - Ataulpho Jr. e Diogo Nogueira no programa "Samba da Gamboa" na TV Brasil