Portela

Portela
Vamos comemorar que a campeã voltou! Portela!!! #PortelaCampeã
"O que é de verdade ninguém mais hoje liga: isso é coisa da antiga" - Ney Lopes e Wilson Moreira

Olá!!!Seja bem-vindo!!

Elsa (Frozen) ♥

terça-feira, 28 de março de 2017

Sobre o filme "A Bela e a Fera" (2017) da Disney

🌹

Eu nunca pensei que eu iria chorar no cinema com o remake de "A Bela e a Fera" ("Beauty and the Beast") da Disney estrelado pela Emma Watson, famosa por ter interpretado a Hermione Granger na saga Harry Potter. Se eu soubesse que isso iria me acontecer, eu compraria uma garrafa de água mineral, mas nós (eu e meus pais) entramos cinco minutos antes de começar o filme e nem tivemos tempo pra comprar nem um drops de anis 😁😁😁. Eu fui neste sábado no Atlântico Shopping em Balneário Camboriú enquanto meus pais preferiram ver em outra sala "Kong - A Ilha da Caveira" ("Kong: Skull Island", Warner Bros. Entertainment) que foi exibida simultaneamente às 19 horas. Como diz a mãe, eu tive mais sorte do que juízo, pois eu consegui o último ingresso do dia para o filme 😯  Fiquei na sala até acabar a chamada de elenco no encerramento do filme com a Céline Dion cantando "How Does a Moment Last Forever" (de Tim Rice e Alan Menken) (https://www.youtube.com/watch?v=WnLsaCLdoMQ), embora eu quisesse ficar mais um pouco também pra ouvir Ariana Grande e John Legend cantando o tema principal nos créditos finais. Quem fizer companhia comigo no cinema (agora vai ser difícil eu ir, já que o preço da entrada e da pipoca agora é bem desanimador, tanto que faz anos que eu não vou mais), fica o aviso: não saio até os créditos acabarem. 😁



O filme é baseado no conto de fadas de mesmo nome ("La Belle et la Bête") de Jeanne-Marie Leprince de Beaumont (1711-1780) e ideias do filme francês de 1944 de Jean Cocteau (1889-1963). O conto já teve várias versões, como a famosa animação da Disney produzida em 1991 que foi montada numa peça musical no Palace Theatre na Broadway em 1994 e, por fim, neste live-action de 2017.
Um príncipe jovem, bonito e rico, porém rude (vivido por Dan Stevens) vive em seu magnífico castelo. Em uma noite fria de inverno durante uma festa de gala, uma velha mendiga bate na porta e oferece a ele uma rosa, em troca de abrigo. O príncipe recusa e a trata com indiferença por achá-la muito feia, e a mendiga se transforma em uma feiticeira de grande beleza. O príncipe implora perdão, mas a feiticeira - para castigá-lo pela falta de amor em seu coração e por julgá-la pela aparência - o transforma em uma Fera, um monstro horrendo, e seus empregados domésticos são transformados em objetos encantados, que ainda possuem atitudes humanas. A rosa que a mendiga oferecera era encantada e floresceria até o seu vigésimo primeiro aniversário. O feitiço só poderia ser quebrado se o Príncipe aprendesse a amar alguém e a ser amado em retorno, mas quando a última pétala da rosa caísse, o feitiço já não poderia mais ser quebrado. A feiticeira também lhe deu um espelho de mão mágico, que seria sua unica janela para o mundo exterior.
Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) que é uma mocinha muito à frente do seu tempo e amante da literatura, tem o pai, o inventor Maurice (Kevin Kline) capturado pela Fera e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

VIDEO: "How Does a Moment Last Forever" (música da chamada de elenco no encerramento do filme)
escrita por Tim Rice e Alan Menken
Interpretada por Céline Dion (gentilmente cedida pela Columbia Records / Sony Music Entertainment Group)
(P) 2017 Walt Disney Records / Universal Music Group



Para ver o post sobre o tema principal, "Beauty and The Beast" cantado por Ariana Grande e John Legend, clique: → http://jotadejeane.blogspot.com.br/2017/03/beautiful-ariana-grande-e-john-legend.html

Video: trailer do filme "A Bela e a Fera" ("Beauty and the Beast", Walt Disney Pictures, 2017)

"Humano Demais - A Biografia do Padre Fábio de Melo"

"Humano Demais" - A verdade é libertadora

No início desse ano eu acabei de ler "Humano Demais - A Biografia (autorizada) do Padre Fábio de Melo" (Globo Livros, 2016) do jornalista e amigo Rodrigo Alvarez, correspondente internacional da TV Globo. E hoje, ainda no período da quaresma, vou fazer um comentário simples sobre o livro.
O sacerdote foi bem corajoso e sincero em revelar fatos sobre sua vida neste livro, distanciando-se da ideia de mostrar apenas o lado agradável. Aqui ele se iguala aos fiéis ao dar seu testemunho e nos encoraja a fazer o nosso exame de consciência, o autoanálise da nossa vida, embora "Humano Demais" seja mais uma biografia nas livrarias sem intenção alguma de ser um autoajuda.
A infância paupérrima, o sonho da Dona Ana, a mãe, de ter um filho padre, o sofrimento com o alcoolismo de seu pai e de seus irmãos, os namoros, a quebra de voto de castidade antes de se tornar padre, a desistência do sacerdócio que, por pouco, não aconteceu, a morte da irmã em um acidente de ônibus e a luta contra hepatite aguda que quase o matou em 2007. O nome do livro foi inspirado em um de seus sucessos, "Humano Demais", gravado originalmete em 2005 para o álbum homônimo lançado pela Paulinas/COMEP. O título da canção é uma referência ao livro "Humano, Demasiadamente Humano?" do filósofo ateu Friedrich Nietzche (1844-1900).
Para rir com as piadas e travessuras do biografado que não foram poucas, chorar e se emocionar com momentos tristes e tocantes. Eu adorei e faço questão de reler. 🙇


terça-feira, 14 de março de 2017

BEAUTIFUL! Ariana Grande e John Legend cantam o tema de "A Bela e a Fera"


A canção foi gravada originalmente por Celine Dion e Peabo Bryson em 1991.


Finalmente foi divulgada a canção "Beauty and the Beast" nas vozes de Ariana Grande e John Legend. A música faz parte da trilha sonora do filme "A Bela e a Fera" da Disney em versão live-action que chega aos cinemas nesta quinta-feira (16 de março). O elenco conta com Luke Evans (Gaston), Emma Watson (Bela), Dan Stevens (Fera), Emma Thompson (Sra. Potts), Kevin Kline (Maurice), Ian McKellen (Cogsworth), Gugu Mbatha-Raw (Plumette), Ewan McGregor (Lumiere) e Stanley Tucci (que viverá um piano falante). A direção é de Bill Condon (A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Partes 1 e 2).


cartaz do filme "A Bela e a Fera" da Disney.

"Beauty and the Beast" foi primeiramente gravada pela atriz britânica-americana Angela Lansbury, em seu papel na voz da personagem Mrs. Potts no filme original de animação da Disney produzido em 1991, e descreve essencialmente a relação entre seus dois personagens principais, Bela e a Fera, especificamente como o casal aprendeu a aceitar suas diferenças e, por sua vez, mudar uns aos outros para melhor. Foi posteriormente gravado como um dueto pop pela cantora canadense Céline Dion e pelo cantor americano Peabo Bryson, e lançado como o único single da trilha sonora de "A Bela e a Fera" em 16 de novembro de 1991.

"Beauty and the Beast"
Escrita por Howard Ashman e Alan Menken
Interpretada por Ariana Grande* e John Legend**
(P) 2017 Walt Disney Records / Universal Music Group
*cortesia da Republic Records, subsidiária da Universal Music Group
**cortesia da Columbia Records, subsidiária da Sony Music Entertainment Group



https://youtu.be/axySrE0Kg6k

segunda-feira, 13 de março de 2017

CD "Por Causa de um Certo Reino" - Padre Zezinho e Padre Jonas Abib


Lançado no ano passado pelas gravadoras Paulinas/COMEP e Canção Nova o CD "Por Causa de Um Certo Reino", o álbum comemorativo dos 50 anos de sacerdócio dos padres Zezinho e Jonas Abib, este que em 2007 recebeu o título de monsenhor concedido pelo Papa Bento XVI a pedido do bispo da Diocese de Lorena, Dom Benedito Beni Santos. O título que é dado a padres que se destacam por relevantes serviços prestados à Igreja e aos fiéis em suas dioceses.
O CD reúne 12 canções, seis escritas e interpretadas por cada um dos sacerdotes pioneiros da música popular católica, gravadas durante a década de 1970. As do Padre Zezinho_cuja fanpage no Facebook eu gosto de seguir pelas suas mensagens_ são retiradas dos álbuns "Canção Pra Meu Deus" de 1973 ("Cidadão do Infinito", "Porque Deus Me Chamou" e "Vocação", esta conhecida pelo refrão "a decisão é tua" com a participação da cantora e dubladora Marion Porchat Camargo) , "Estou Pensando em Deus" de 1972 ("O Profeta" e "Pra Que Eu Não Me Canse", também com a participação de Marion) e "Histórias Que Eu Conto e Canto" de 1974 ("Balada Por Um Reino"). E as do Padre Jonas Abib, fundador da Comunidade Canção Nova, são todas do seu primeiro álbum solo, "O Amor Vencerá" de 1977 ("Senhor, Meu Amigo", "Juras de Amor Por Deus", "O Amor Vencerá", "Virgem do Silêncio" com a participação de uma convidada que não foi creditada nem no LP original, "Eu Busco Um Mundo de Sol" e "Eu Não Me Canso de Cantar"). Todos os álbuns foram lançados pela antiga EPD, Edições Paulinas Discos (hoje Paulinas/COMEP, Comunicação Musical Editora Paulinas). "O Amor Vencerá" de Jonas Abib foi relançado em CD na década de 1990 pela Gravadora Canção Nova. Um CD maravilhoso e sempre focado no tema "vocação" mostrando a trajetória de dois sacerdotes em cada faixa.




Capa do LP "O Amor Vencerá" (1977) do Padre/Monsenhor Jonas Abib (abaixo, foto de destaque do sacerdote na contracapa do disco)


Capa do LP "Histórias Que eu Conto e Canto" (1974) do Padre Zezinho



"Por Causa de Um Certo Reino"
Padre Zezinho e Padre Jonas Abib
(P) 2016 Paulinas/COMEP / Gravadora Canção Nova
Ouça o CD na íntegra em um vídeo divulgado pela própria gravadora no link seguinte:
https://www.youtube.com/watch?v=c2TPEbjinww

01- Cidadão do infinito
escrita e interpretada por Padre Zezinho
(P) 1973 Paulinas/COMEP

02- Senhor, meu amigo
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib
(P) 1977 Paulinas/COMEP

03- O profeta
escrita e interpretada por Padre Zezinho
(P) 1972 Paulinas/COMEP

04- Juras de amor por Deus
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib
(P) 1977 Paulinas/COMEP

05- Porque Deus me chamou
escrita e interpretada por Padre Zezinho
(P) 1973 Paulinas/COMEP

06- O amor vencerá
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib
(P) 1977 Paulinas/COMEP

07- Vocação
escrita e interpretada por Padre Zezinho
participação especial de Marion Porchat Camargo
(P) 1973 Paulinas/COMEP

08- Virgem do silêncio
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib e convidada
(P) 1977 Paulinas/COMEP

09- Balada por um Reino
escrita e interpretada por Padre Zezinho
(P) 1974 Paulinas/COMEP

10- Eu busco um mundo de sol
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib
(P) 1977 Paulinas/COMEP

11- Pra que eu não me canse
escrita e interpretada por Padre Zezinho
participação especial de Marion Porchat Camargo
(P) 1973 Paulinas/COMEP

12- Eu não me canso de cantar
escrita e interpretada por Padre Jonas Abib
(P) 1977 Paulinas/COMEP

domingo, 12 de março de 2017

Post de aniversário da Jeane - O hino da Vitória da Portela

Foto do desfile das campeãs: Portela, a vencedora, foi a última a desfilar no dia (04/03).

"Post de aniversário", porque é postado no dia em que eu faço mais um ano de vida  (12/03). E é justamente sobre a Portela! 😊

"Portela, acabou a longa espera
Nasce uma nova era
Está de volta ao seu lugar "

Os compositores do samba de 2017 da minha Portela (Samir Trindade, Elson Ramires, Neyzinho do Cavaco, Paulo Lopita 77, Beto Rocha, Girão e J.Sales) fizeram uma homenagem à vitória da escola! Ouça! 👏💙✨



https://youtu.be/WsyRdjErsu8

sábado, 4 de março de 2017

Sorvete Kit Kat da Nestlé

Sorvete de Kit Kat no potinho (foto: site Novos Produtos)


A nós os fãs do chocolate Kit Kat da Nestlé uma boa notícia: a empresa criou um sorvete do produto para o verão desse ano. Kit Kat no potinho é um sorvete de chocolate com bolinhas, muitas bolinhas crocantes. Uma delícia! ♥ O preço sugestivo é de R$6,00.

Todo mundo da Portela... aquele abraço!


💙💙💙É com esse verso da famosa canção do também portelense Gilberto Gil que eu mando os parabéns à escola de samba pela vitória, pela vigésima segunda vitória nas apurações do desfile do Rio de Janeiro. Um abração de uma certa portelense daqui de Itajaí, Santa Catarina, para a Portela de Osvaldo Cruz e Madureira, no Rio de Janeiro !!! 💙💙💙

AH! E o desfile das campeãs do carnaval do Rio de Janeiro será transmitido para a TV pela emissora carioca TV Brasil neste sábado (04/03/217) a partir das 21h30 (clique aqui para mais detalhes)

quinta-feira, 2 de março de 2017

A campeã voltou! PORTELA finalmente sacia a sede de vitória!

Vivaaa!
😁💙✨🎉
Amigos portelenses, podem comemorar!! Oswaldo Cruz e Madureira está em festa! 2017 é o ano em que a nossa águia voa mais alto. Portela conquista sua 22ª vitória nas apurações, mantendo o posto de rainha do carnaval carioca por ser a escola de samba do Rio de Janeiro a ter mais títulos de campeã.


Você acredita em milagres? Pois é. Como eu disse no meu Facebook, a minha Portela não ganhava sozinha desde 1970 com o enredo "Lendas e Mistérios da Amazônia". Em 1984, com o enredo "Contos de Areia" que relembra três de seus ilustres representantes Paulo da Portela, Natal e a cantora Clara Nunes, esta que faleceu no ano anterior, dividiu o prêmio com a Mangueira. Com o carnavalesco Paulo Barros que trabalha na escola de samba desde o ano passado, a Portela finalmente quebrou esse jejum.

“Quem nunca sentiu o corpo arrepiar ao ver esse rio passar”



O nome do samba-enredo refere-se a uma canção de Paulinho da Viola, um dos grandes nomes da escola. Na avenida, Portela cantou histórias e mitos da água doce. Agora, esse rio que passou e arrepiou os portelenses é de vitória e a sede dela já está saciada. Eu tenho paixão pela Portela há uns 14 anos quando eu comecei a me interessar (e me apaixonar) pelo samba. Infelizmente eu não posso ir ao Rio de Janeiro nem para o desfile da campeãs comemorar a vitória com a turma do azul e branco, mas tô tão feliz quanto os portelenses de lá. Meu presente de aniversário já chegou com 11 dias de antecipação #Portela #PortelaCampeã Parabéns pela Portela! Parabéns pra nós!!!!
Agora vamos pular!!!ÊÊÊÊ!!! *\o/* ✨💙💙💙

"Salve o samba, salve a santa, salve ela!
Salve o manto azul e branco da Portela
desfilando triunfal sobre o altar do carnaval!"
"Portela na Avenida", de Paulo César Pinheiro e Mauro Duarte

🎉❇

Mestre Monarco!

Veja também o post que eu fiz sobre o samba-enredo da Portela:
http://jotadejeane.blogspot.com.br/2017/02/quem-nunca-sentiu-o-corpo-arrepiar-ao.html

"O perfume da flor é seu
Um olhar marejou, sou eu
Quem nunca sentiu o corpo arrepiar ao ver esse rio passar"
Samir Trindade, Elson Ramires, Neyzinho do Cavaco, Paulo Lopita 77, Beto Rocha, Girão e J.Sales



Festa de Lançamento do "Clube do Samba" (Fantástico, 1979)

"Meninos da Mangueira" - Ataulpho Jr. e Diogo Nogueira no programa "Samba da Gamboa" na TV Brasil