Portela

Portela
Vamos comemorar que a campeã voltou! Portela!!! #PortelaCampeã
"O que é de verdade ninguém mais hoje liga: isso é coisa da antiga" - Ney Lopes e Wilson Moreira

Olá!!!Seja bem-vindo!!

Elsa (Frozen) ♥

terça-feira, 20 de julho de 2010

O Emocionante Último Dia do Repórter Esso



Foto:Imagem encontrada no site de buscas Google


Repórter Esso
(também conhecido como O Seu Repórter Esso) foi um noticiário histórico do rádio e da televisão brasileira. Foi o primeiro noticiário de radiojornalismo do Brasil que não se limitava a ler as notícias recortadas dos jornais, pois as matérias eram enviadas por uma agência internacional de notícias sob o controle dos Estados Unidos da América. O repórter Esso era patrocinado por uma empresa estadunidense chamada Standard Oil Company of Brazil, conhecida como Esso do Brasil. Os locutores que fizeram maior sucesso no noticioso foram: Gontijo Teodoro, Luiz Jatobá e Heron Domingues. Os slogans mais famosos eram: "Repórter Esso, o primeiro a dar as últimas" e "Repórter Esso, a testemunha ocular da história"O Repórter Esso esteve no ar de 28 de agosto de 1941 ao último dia de 1968. (...)

O Repórter Esso terminou suas transmissões em 31 de dezembro de 1968. Na última edição, transmitida pela Rádio Globo do Rio de Janeiro, a partir das 20:25 da noite, o radialista Guilherme de Sousa fez a identificação da emissora e dando a hora certa, antes de anunciar: "Alô, alô, Reporter Esso! Alô!" Ao som das tradicionais trombetas, o locutor Roberto Figueiredo entrou no ar, noticiando sobre as festividades do ano novo (1969) (Wikipédia)

Durante a leitura das principais notícias dos últimos 27 anos do Repórter Esso, ao chegar no 5:15 do video abaixo, repare que Roberto Figueiredo faz uma breve pausa. É nessa parte que ele começa a chorar e se emocionar. E, no 6:00, é que muda o tom de voz de locutor, ficando mais embargado. Roberto tentou se recompor e, aos prantos, encerrou o último Repórter Esso, desejando uma boa noite e um feliz ano novo.



"Boa Noite e um Feliz 1969. São os votos da Esso"




http://www.youtube.com/watch?v=cIgSWgWH2kg


segunda-feira, 19 de julho de 2010

Não te esqueças que és um palhaço

Essa semana me lembrei muito dessa música cantada pela Dalva de Oliveira. No auge da briga do casal Herivelto Martins X Dalva de Oliveira, Nelson Cavaquinho, Washington e Osvaldo Martins fizeram este samba-canção exclusivamente para a Dalva que, segundo o filho do casal, Pery Ribeiro (Peri de Oliveira Martins, Rio de Janeiro, 27 de outubro de 1937), no livro "Minhas Duas Estrelas" (Editora Globo, 2009), a música era uma sutil ironia à antiga profissão do pai, que era palhaço de circo.






http://www.youtube.com/watch?v=LRBolbgxXfo



Palhaço

Escrita por Nelson Cavaquinho, Washington e Osvaldo Martins
Intérprete: Dalva de Oliveira

Sei que é doloroso um palhaço
Se afastar do palco por alguém
Volta, que a platéia te reclama
Sei que choras, palhaço
Por alguém que não te ama

Enxuga os olhos e me dá um abraço
Não te esqueças que és um palhaço
Faça a platéia gargalhar
Um palhaço não deve chorar

(P) 1951 Odeon (hoje EMI Music Brasil, Electrical and Musical Industries /Fonográfica, Industrial e Eletrônica S.A.)


terça-feira, 13 de julho de 2010

Xodó, Coca-Cola e Baião.

Sexo, drogas e rock 'n' roll não existiam no início dos anos 50. Este é um dos primeiros comerciais da Coca-Cola no Brasil, assim que os aparelhos televisivos chegaram à nossa pátria. Entre 1952 e 1956, a Coca-Cola no Brasil usava o slogan "Isto faz um bem" em suas propagandas.



http://www.youtube.com/watch?v=NIqJ9cVTT9M





segunda-feira, 12 de julho de 2010

Marina and the Diamonds. Oh, Yes!


Mais um video da cantora grega-galesa Marina and the Diamonds que acabou de sair. A música leva a produção de Greg Kurstin, da dupla The Bird and the Bee.Um video cômico, colorido e bem divertido. Adoro muito os videos com essa cantora!



Video Clipe de "Oh No!"



http://www.youtube.com/watch?v=Cr-SqRWImmI


Video:Making Of do clipe "Oh No!"

Veja como foi feito o video:




http://www.youtube.com/watch?v=OAG9xKcCm24




Oh No!

Escrita por Marina Lambrini Diamandis e Greg Kurstin
Interpretada por Marina and the Diamonds
Produção:Greg Kurstin

Don't do love, don't do friends
Não faço amor, não faço amizades
I'm only after success
Eu só busco o sucesso
Don't need a relationship
Não preciso de um relacionamento
I'll never soften my grip
Eu nunca vou pegar mais leve

Don't want cash don't want card
Não quero dinheiro não quero cartão
Want it fast want it hard
Quero logo, quero muito
Don't need money
Não preciso de dinheiro
Don't need fame
Não preciso de fama
I just want to make a change
Eu só quero fazer uma mudança

I just wanna change
Eu só quero mudar
I just wanna change
Eu só quero mudar
I just wanna change
Eu só quero mudar
I just wanna change
Eu só quero mudar
I just wanna...change!
Eu só quero mudar!

I know exactly what I want and who I want to be
Eu sei exatamente o que eu quero e quem eu quero ser
I know exactly why I walk and talk like a machine
Eu sei exatamente porque eu ando e falo como uma máquina
I'm now becoming my own self-fulfilled prophecy
Agora estou tornando minha própria profecia auto-cumprida
Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

One track mind, one track heart
Uma cabeça feita, um coração feito
If I fail, I'll fall apart
Se eu falhar, vou desmoronar
Maybe it is all a test
Talvez isso tudo seja um teste
Cause I feel like I'm the worst,
Porque eu sinto que sou a pior,
So I always act like I'm the best
Então eu sempre ajo como se fosse a melhor

If you are not very careful
Se você não tiver muito cuidado
Your possessions will possess you
Suas posses te possuirão
TV taught me how to feel
A TV me ensinou como sentir
Now real life has no appeal
Que agora a vida real não tem nenhum apelo

It has no appeal
Não tem nenhum apelo
It has no appeal
Não tem nenhum apelo
It has no appeal
Não tem nenhum apelo
It has no appeal
Não tem nenhum apelo
It has no ap...peal!
Não tem nenhum apelo!

I know exactly what I want and who I want to be
Eu sei exatamente o que eu quero e quem eu quero ser
I know exactly why I walk and talk like a machine
Eu sei exatamente porque eu ando e falo como uma máquina
I'm now becoming my own self-fulfilled prophecy
Agora estou tornando minha própria profecia auto-cumprida
Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

I know exactly what I want and who I want to be
Eu sei exatamente o que eu quero e quem eu quero ser
I know exactly why I walk and talk like a machine
Eu sei exatamente porque eu ando e falo como uma máquina
I'm now becoming my own self-fulfilled prophecy
Agora estou tornando minha própria profecia auto-cumprida
Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

I'm gonna live, I'm gonna fly
Eu vou viver, eu vou voar
I'm gonna fail, I'm gonna die
Eu vou fracassar, eu vou morrer
I'm gonna live, I'm gonna fly
Eu vou viver, eu vou voar
I'm gonna fail, I'm gonna di-di-di-die!
Eu vou fracassar, eu vou morrer!

I know exactly what I want and who I want to be
Eu sei exatamente o que eu quero e quem eu quero ser
I know exactly why I walk and talk like a machine
Eu sei exatamente porque eu ando e falo como uma máquina
I'm now becoming my own self-fulfilled prophecy
Agora estou tornando minha própria profecia auto-cumprida
Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

I know exactly what I want and who I want to be
Eu sei exatamente o que eu quero e quem eu quero ser
I know exactly why I walk and talk like a machine
Eu sei exatamente porque eu ando e falo como uma máquina
I'm now becoming my own self-fulfilled prophecy
Agora estou tornando minha própria profecia auto-cumprida
Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

Oh, Oh no! Oh no! Oh No-oh!
Ah, Ah, não! Ah não! Ah não!

(C) 2010 679 Recordings / Warner Music (UK)
(P) 2010 Warner Music (Brasil)

sábado, 10 de julho de 2010

Hoje Ganhei Flor...


Hoje genhei flor.
De quem não sei ainda.
Sinceramente, prefiro não saber.

Foi tão bonito,
foi tão diferente,
não tendo nome
não sei quem é.

E imagino que seja você,
o meu único "ser feliz".
Se foi você, amor,
obrigada pela lembrança.
Se não foi,
obrigada pela esperança, pela ilusão


Poema de Maysa, preservado em seus arquivos

(do livro fotobiográfico "Maysa", de Jayme Monjardim, Editora Globo, 2008)

Quando eu era pequena, eu tomava. E você?


Eu tomei. Meu irmão caçula também. Digo que até hoje eu tomo.E meu irmão também. E tomo, porque é gostoso! E você, já tomou? Se não, tome, você também vai gostar! Esse video é de um comercial dos anos 50. Não perça, é raridade!!!






http://www.youtube.com/watch?v=Wx1uhGNGgas



Eu tomo, porque Toddy é mais gostoso do que Nescau!




PRA COMEÇAR O DIA - BOM DIA, MINHA FLOR






Bom Dia, Minha Flor

Autores: Rildo Hora e Martinho da Vila
Intérpretes: Joanna e Martinho da Vila

Galo já cantou no meu terreiro
Pássaros já vão se alvoroçar
Aurora raiou
Astro-rei já vem
Bom-dia, minha flor, meu bem
Gente solta o corpo pra correr
Povo sai correndo pro trabalho
Padeiros no trigo
Enxadas nos campos
Foice nos canaviais
Você comigo
Bom-dia, bom-dia, bom-dia
Meu amor

Mundo girando
E há pés que são donos da bola
Mas as esmolas minguando
E aumentando as mãos
Bom-dia, bom-dia, bom-dia
Meu amor
A criançada já foi sonolenta pra escola
Prenda doméstica, mestra, vassoura e sabão

Bom-dia, bom-dia, bom-dia
Luta, labuta
Trabalho é fonte de vida
Vida é amor
E o amor nosso mel, nosso pão

(P) 1985 RCA Victor, Radio Corporation of America (hoje Sony Music Entertainment - Brasil)

Festa de Lançamento do "Clube do Samba" (Fantástico, 1979)

"Meninos da Mangueira" - Ataulpho Jr. e Diogo Nogueira no programa "Samba da Gamboa" na TV Brasil